SIC

Resumo: 115º Episódio - 9 de abril (quinta-feira)

Mário entra em paragem cardíaca e Tiago tenta salvar-lhe a vida!

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Sara insiste com o pai para ligar a Rita, diz que ela deve estar preocupada. Mário obriga Sara a ver televisão. Enquanto ela está distraída, ele desliga o fio do telefone.

Prazeres chama Mercedes, Arminda e Norberto e diz que têm de fazer alguma coisa para impedir que o Padre vá embora da Vila.

Xana oferece o bolo do seu casamento. Elsa diz que ela está a fazer uma figura triste e as duas acabam a discutir. Raul manda Xana embora e avisa Elsa para não contar nada sobre ele e Prazeres.

Rita está devastada, o carro de Mário foi encontrado abandonado. Diogo promete trazer Sara de volta. Decidem ir ao quarto de hotel procurar pistas.

Mário mete comprimidos nos sumos e quer obrigar Sara a beber. Diogo e Rita entram e Mário, fora de controlo, aponta a arma. Diogo bate em Mário e Rita agarra Sara.

Prazeres queixa-se porque Marco Paulo não lhe liga nenhuma. Vasco deixa entrar Elsa, beijam-se. Elsa conta a Vasco que Prazeres anda enrolada com o seu pai.

Mário entra em paragem cardíaca. Rita conta a Carla que Mário raptou Sara e tomou comprimidos quando o apanharam.

Diana diz a Henrique que, às vezes, sente-se insegura. Acha que ele tem vergonha dela. Henrique fica atrapalhado, diz que gosta muito dela e só têm de ir com calma por causa dos filhos.

Carlos desabafa com Joana, sente-se culpado por não ter protegido Sara. David entra e é desagradável com Carlos. Joana fica chateada com o filho.

Eduarda não gosta de saber que Beatriz correu perigo. Martim fica preocupado com Sara ao saber que o pai a raptou.

Prazeres diz a Raul que ele não sabe cuidar de uma mulher, só está ali para o informar que vão fazer uma manifestação para o Padre ficar na vila.

Xana está triste porque o universo conspira contra o seu casamento. Reage, diz a Afonso que casam assim que for possível e pronto. Sílvia acha a conversa surreal.

Beatriz quer saber como está Sara. Diogo agradece tudo o que ela fez. Eduarda entra e Diogo desespera.

Carlos pede desculpa a Sara por não a ter protegido. Ela chora, diz que a culpa foi dela. Carlos conversa com ela e acalma-a.

Mário entra novamente em paragem cardíaca. Tiago tenta salvar Mário e pede ajuda à Rita, que fica sem reação, mas segue as instruções de Tiago. Rita decide administrar morfina em vez de epinefrina como Tiago pediu.

Tiago faz tudo para salvar Mário. Carla e a enfermeira entram para ajudar, mas não há nada que se possa fazer. Mário morre. Tiago não percebe o que correu mal...

Carla diz a Rita que não conseguiram salvar Mário. Diz para ela se concentrar em Sara, ela vai precisar muito de apoio. Tiago sai do quarto e pergunta se chamaram o médico legista, olha desconfiado para Rita.

nas redes

pesquisar