Perfil

SIC

Resumo: 8º Episódio - 6 de novembro (quarta-feira)

Afonso conta à irmã que assassinou Rui.

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Jorge diz a Eduarda que quer um bom advogado que o tire da cadeia e dinheiro para depois desaparecer, se não, ameaça contar a toda a gente tudo o que aconteceu no passado.

À porta da prisão, Diogo está impaciente, à espera de Eduarda, que sai e entra no carro. O telefone de Diogo toca. É Eduarda a falar sobre trabalho.

Tiago volta a ameaçar Beatriz, dizendo-lhe que tem provas contra Afonso e que as entrega à polícia, se ela avançar com o pedido de divórcio.

Mafalda, desaparecida há 3 anos, liga a Joana. Pede dinheiro à mãe, mas esta diz que só lhe dá, se se virem. Mafalda nega e desliga o telefone.

Beatriz encara Afonso, que acaba por assumir que matou o Rui, mas foi um acidente.

Naquela fatídica noite, os dois amigos estavam bêbados e a discutir por causa de uma rapariga. Começaram à pancada e Afonso empurra Rui, que cai das escadas e bate com a cabeça, ficando inanimado. Desesperado, liga a Tiago. O cunhado chega, percebe que Rui está morto e manda Afonso embora dali, ficando com as suas roupas ensanguentadas e dizendo que vai resolver a situação.

Furioso, Afonso dá um murro a Tiago, que continua a fazer-se de vítima e diz que tudo o que está a fazer, é por amor a Beatriz e que entrega as roupas a Afonso, se a irmã desistir do divórcio. Afonso implora à irmã para não se divorciar, pelo menos até ele conseguir recuperar as provas que o incriminam.

No Carrocel, Diogo passa, discretamente, dinheiro a Vítor e diz-lhe que fez tudo bem e que agora já pode desaparecer de Vila Brava.

O advogado chega à Herdade com os papéis do divórcio e passa-os a Tiago para ele assinar. Enquanto finge ler os documentos, fala da morte de Rui. Pergunta a Beatriz se tem mesmo a certeza do divórcio. Ela olha para Afonso, que está na expetativa e cede, dizendo que pensou melhor e reconsiderou, por causa de Martim. Francisco fica perplexo, sem compreender a decisão da filha. Quando Francisco e o advogado se afastam, Beatriz encara Tiago e diz-lhe que espera que ele cumpra a sua parte e entregue as provas que tem contra Afonso.

Filipe esconde o corpo do padre numa arca. Sente remorsos, mas não vê outra saída. Decide então ficar com a identidade do amigo e ir viver para Vila Brava, como padre. Veste a batina e prepara-se para sair.

Diogo vai à prisão para saber o que Eduarda foi falar com Jorge. Ameaça-o e Jorge, com medo, diz que não o denunciou e que só pediu um bom advogado e dinheiro para sair dali.

Elsa tem um plano para fingir um acidente, de forma a que toda a gente tenha pena dela e pense que precisa de repouso, para não ter que trabalhar. Mas não corre como planeado e Elsa fica mesmo inconsciente, depois de cair à água e levar com o caiaque na cabeça. Nervoso, Vasco salva a amada e consegue reanimá-la.

Aproveitando a pausa do almoço, Diogo entra às escondidas no gabinete de Eduarda, na Fundação, com intenção de abrir o cofre, mas é surpreendido por Francisco e Beatriz, que entram, obrigando-o a esconder-se. Quando os dois saem, Diogo consegue finalmente abrir o cofre.

nas redes

pesquisar