SIC

Resumo: 201º Episódio - 22 de junho (segunda-feira)

Ismael entrega-se à polícia e a PJ tira a pulseira eletrónica a Duarte

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Bernardo e Nazaré estão em choque com tudo aquilo que Ismael lhes conta. Nazaré apressa-se a dizer-lhe que tem de se entregar, pois, é a liberdade de Duarte que está em jogo. Ismael acede em ir à polícia contar tudo mas pede-lhes que lhe façam um favor primeiro.

Toni chega à sala de frasco vazio e diz a Bárbara que assim a coisa não funciona mas que, caso Bárbara lhe queira dar uma ajuda, é bem-vinda. Bárbara começa a despir-se. Toni fica entusiasmado, mas chega à conclusão que não vai ser capaz de fazer aquilo. Toni diz a Bárbara que, caso Nazaré queira ficar com ele, será mesmo porque o ama e que apesar de ser malandro o que Bárbara está a tentar fazer é mau demais, até para ele.

Ismael conta toda a verdade a Glória, pede-lhe desculpa e agradece por o ter ajudado sem saber. Glória não acredita como foi capaz de ficar calado.

Nazaré e Bernardo vão à Quinta dar a boa notícia a Duarte. Os dois contam-lhe que foi Ismael quem matou Félix e que já se entregou à polícia por isso Duarte está livre. Duarte nem sabe o que fazer, é apanhado de surpresa pela notícia. Bernardo aproveita para sair deixando Nazaré e Duarte a sós. Nazaré despede-se de Duarte dizendo que já provou a sua inocência, como tinha prometido, e que agora chegou a altura de cada um seguir o seu caminho. No olhar emocionado dos dois.

Em casa dos Carvalho, Carol continua a ser insolente com Sofia. Esta, sem outra saída possível, diz à filha que, se o que ela deseja é que voltem a ser uma família feliz, está disposta a fugir com eles. Sofia pede a Carol que combine tudo com Heitor para as ir buscar.

Santos vai à Quinta e retira a pulseira eletrónica a Duarte perante a felicidade dele e de Bárbara. Duarte, visivelmente feliz e aliviado, diz a Bárbara que quer acompanhar a gravidez e pede-lhe que marque uma consulta para ele ir assistir à ecografia. Bárbara fica tensa mas disfarça.

Cris vai à Atlântida na tentativa de ter uma conversa civilizada com Verónica e pedir-lhe que o deixe ver a filha. Verónica não cede, começam a discutir enquanto esta acusa Cris de ser um drogado sem remédio possível. Cris sai perturbado enquanto Bárbara, que ouvia a discussão, regista a informação sobre Cris.

nas redes

pesquisar