SIC

Resumo: 150º Episódio - 10 de abril (sexta-feira)

Nazaré recebe uma chamada anónima e sai de casa com a pulseira colocada!

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

O advogado Leonardo vai ter à Quinta com Duarte e diz-lhe que o julgamento de Nazaré está agendado para daí a 2 dias. Duarte fica ansioso e pressionado com o pouco tempo que tem, diz não ser suficiente para reunir as provas necessárias. Bárbara assiste à reação de Duarte desagradada.

Heitor diz a Verónica que agora que soube que a polícia está envolvida, não quer ter mais nada a ver com a situação. Prata chega e Verónica recebe-o insistindo em desvalorizar toda a situação e aconselhando o inspetor a ocupar-se a investigar Nazaré.

Nazaré está a fazer limpezas quando recebe uma chamada não identificada de alguém que lhe diz, com a voz distorcida, que Duarte teve um acidente e que está muito mal no Mercado.

Nazaré está muito tensa com a chamada enquanto vemos que Bárbara, que lhe ligou, se ri gloriosa por ter conseguido enganar a rival.

Nazaré liga para Matilde, sem sucesso. A jovem tenta tirar a pulseira, mas não consegue, está muito ansiosa e sem saber o que fazer. Nazaré sai de casa a correr, com a pulseira posta.

No Mercado, Dolores vê Nazaré a entrar disparada e manda-a regressar a casa imediatamente. Nazaré, firme, diz que não vai a lado nenhum até saber se Duarte está bem.

Na Quinta, Laura, Duarte e Toni falam sobre a possibilidade de Félix estar vivo. Laura liga para Prata e fica a saber que o alarme da pulseira de Nazaré disparou.

De volta ao Mercado, Dolores e Matias tentam acalmar Nazaré dizendo que se tivesse acontecido alguma coisa já se sabia. No meio desta confusão, chega a PSP.

Enquanto isto, Duarte e Toni seguem ao encontro de Nazaré quando Toni é mandado parar pela polícia por seguir em excesso de velocidade. Duarte prontifica-se a pagar a multa, para que possam seguir caminho, quando se apercebe que Toni tem outra multa que remete ao dia do acidente de Félix e Cláudia e no mesmo local onde se deu o acidente. Duarte fica confuso.

Nazaré esconde-se atrás de uma banca e consegue, depois, escapar para o restaurante. Prata certifica-se que o sinal da pulseira vem do Mercado e ordena que se reviste tudo.

Matias e Glória ajudam Nazaré a tentar escapar. Quando estão prestes a sair, Prata apanha a jovem. Nazaré tenta justificar-se dizendo que recebeu um telefonema a dizer que Duarte tinha tido um acidente, mas de nada serve.

Nas traseiras do Mercado, Duarte está a observar a carrinha de Toni quando repara numa amolgadela que tem restos de tinta. Duarte tira um pouco de tinta para enviar para análise.

Em casa dos Soares, Joaquim expressa a sua preocupação com a filha a Dolores enquanto Bárbara permanece indiferente em relação ao assunto. Luís chega com a boa nova de que ganharam o concurso de queijos.

No Hotel, Gonçalo está a fazer a caixa enquanto desabafa com a família que se a situação continua assim não sabe o que vão fazer. Ana comenta que já sabe que Pipo se despediu e pergunta aos pais se lhe contaram alguma coisa sobre o que lhe aconteceu. Ambos negam, mas aconselham a filha a falar com o namorado.

Ana vai ter com Pipo e este tenta arranjar uma desculpa para justificar o seu despedimento. A jovem percebe que o namorado já sabe o que se passou e confronta-o. Pipo explica-lhe que gostava que tivesse sido ela a contar-lhe, mas que também não sabe como lidar com a situação.

Bernardo está na Quinta quando se depara com Olívia, que veio ao seu encontro, disfarçada de distribuidor de pizzas. A jovem diz a Bernardo que soube do que aconteceu com Félix e que veio ver como ele estava.

nas redes

pesquisar