SIC

Cátia Ramos recorda o pânico no dia da derrocada na Madeira: "O chão fugia debaixo dos nossos pés e a encosta caía-nos em cima..."

Cátia Ramos recorda o pânico no dia da derrocada na Madeira: "O chão fugia debaixo dos nossos pés e a encosta caía-nos em cima..."

O que estava previsto ser um passeio agradável numa das 'levadas' mais famosas da ilha da Madeira acabou por se tornar num momento de terror: "[O Tiago] tombou no meu colo, sem pulso, com um buraco enorme na cabeça a jorrar sangue..."

nas redes

pesquisar