SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo - 201º Episódio - 14 de maio (terça-feira)

Vitória é atropelada

(c).RuiCarlosMateus.1954

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Gustavo está de saída de casa quando António lhe pede que ajude Rodrigo pois é uma injustiça ele estar preso. Marta entra na sala cheia de dores e António nem a deixa dizer mais nada e leva-a ao hospital.

Já na rua, alguém observa Marta a sair de casa apoiada por António.

Nelson recebe uma chamada e ao saber que a casa de Marta e Gustavo está livre, dá indicação para que avancem com o plano. Pede ainda que sejam rápidos.

Dois homens entram em casa de Marta e Gustavo e vandalizam tudo por onde passam.

Gonçalo mostra a notícia sobre a detenção de Rodrigo a Júlia. Ela percebe que Gonçalo armou uma armadilha contra Rodrigo e ele admite que quem se mete no seu caminho, sofre as consequências.

Luís prepara-se para sair de casa e Vera mete-se com ele. Beijam-se apaixonados.

Leonor e Sofia conhecem-se e conversam pela primeira vez. Falam das suas experiências de vida e começa uma grande cumplicidade entre elas.

Raimundo acorda cheio de energia e Deolinda está de saída para ir trabalhar. Antes que ela saia, Raimundo pede que ela invente uma desculpa para não ir trabalhar. A noite correu muito bem.

Martim percebe que Carla anda a roubar Jacinta e se a senhora descobre ela está metida em sarilhos. No entanto, Carla não está preocupada e tem um plano B.

Na rádio, todos comentam o sucesso de Celso. Esmeralda surpreende Gil que fica cheio de medo dela. Esta obriga-o a pagar a conta do restaurante como castigo por tê-la deixado pendurada.

Deolinda vai ter com Aida e queixa-se da falta de jeito de Raimundo. Aida acha que ela deve ser sincera e dizer ao marido o que realmente quer dele.

Gustavo comunica a Diana que Rodrigo vai ficar em prisão preventiva pois não tem provas de nada do que afirma ser verdade. Diana sente uma grande angústia quando Gustavo admite que as coisas estão complicadas para Rodrigo.

António e Marta conversam na escola de circo, ela terá de voltar a usar muletas e de fazer medicação para melhorar das dores. Ela sente que está a ser castigada e pede a António para ficar sozinha.

Quando entra em casa, Marta fica em pânico ao ver tudo vandalizado. Gustavo verifica tudo e declara que não roubaram nada. Recebe uma chamada de um número anónimo a ameaçar que se entrarem com a ação contra Júlia vão sofrer as consequências. É Gonçalo quem está a ligar mas não se identifica.

Vitória elogia Clara na rádio e depois conversam sobre a detenção de Rodrigo. Vitória está muito feliz com a reportagem que está a escrever e partilha ainda com a amiga que Gustavo e Marta querem impugnar a herança de Fernando e por isso vai falar com eles.

Adelaide está desesperada com a situação de Rodrigo e Jacinta reforça que têm de o ajudar de alguma forma. Adelaide decide ir falar com João.

Gustavo está na dúvida se há de chamar a polícia quando Vitória aparece. Ela pede que deixem a sua mãe em paz. Marta e Gustavo ficam furiosos e acusam Gonçalo e Júlia de os terem ameaçado. Depois de Vitória sair, Marta vai atrás dela.

António conversa com Diana sobre Marta e não sabe como ajudá-la. Diana pensa numa forma de ajudar Rodrigo, a única hipótese é encontrar Zé Maria que foi quem fez a pesquisa para Vitória portanto ele sabe de algo com certeza.

João e Adelaide conversam, preocupados, sobre Rodrigo. João afirma que já falou com o pai de Alice e Adelaide quer uma receita médica. João assente mas avisa que já marcou consulta para ela ir ver o que são aqueles tremores.

João vai ao quarto e faz uma chamada mas ninguém atende. Percebemos que ligou para Nelson. Vai para a sala e leva o telemóvel consigo.

Vitória estaciona e atravessa a passadeira a olhar para o telemóvel. Marta que a a está a seguir, acelera e atropela-a, deixando Vitória sem sentidos, no chão. Marta olha para ela cheia de raiva e em choque.

Gustavo está preocupado e tenta falar com Marta ao telemóvel e deixa mensagem. Naomi liga para ele.

Na rua, as pessoas tentam ajudar Vitória que se quer levantar. Um homem diz-lhe que é melhor ficar quieta e esperar pela ambulância que já está a caminho. Uma mulher vai ter com Marta que ainda está em choque. Esta acaba por sair do carro e reforça que não pretende fugir.

Mais tarde, Marta sofre na escola de circo pois ninguém percebe o que ela está a sentir. Atropelou Vitória porque ela atravessou a estrada com o sinal vermelho e tem testemunhas disso. Gustavo e António conversam com ela mas Marta só chora.

Já em casa, Vitória está bem mas ainda chocada com a atitude de Marta. Conta a Júlia e a Gonçalo que a casa de Gustavo e Marta foi vandalizada. Vai para o quarto descansar e Júlia exige saber a verdade de Gonçalo. Este admite que ameaçou Gustavo e Marta.

João recebe uma chamada e fica surpreso com o que Nelson lhe diz. Vai abrir a porta e Nelson entra e insinua-se. João fica feliz com a visita e seguem para a cozinha.

Carmo e Pedro conversam sobre Sofia e sobre ela ter gostado de conhecer Leonor. Carmo vai falar com Diogo que partilha com ela que já arranjou onde morar. Carmo aborda o cd de Diogo que encontraram em casa dos Macedo e oferece-lhe ajuda. Sara interrompe a conversa para dizer a Diogo que vai ter com Diana.

Já em casa de Diana, Sara fala com a filha sobre a situação de Rodrigo. Diana quer descobrir onde está Zé Maria pois só ele a pode ajudar. Nesse momento, António liga a Diana a informar que Marta atropelou Vitória.

No dia seguinte, João acorda sozinho e chama por Nelson enquanto o procura pela casa. Ao perceber que as coisas dele não estão na sala, percebe que ele foi embora. Olha para a porta, triste e frustrado.

Júlia deixa Clara e Vitória a conversar sobre o atropelamento. Vitória quer aproveitar a situação para separar Gustavo de Marta e decide responder à mensagem que recebe de Diana.

O ambiente entre Gustavo e Marta é de grande tensão e Gustavo afirma que têm de ter muito cuidado pois Gonçalo é perigoso e está envolvido em tráfico de armas. Marta fica chocada ao saber isso.

Diana visita Vitória e esta trata-a mal. Culpa-a pelos vários problemas que têm. Falam sobre Rodrigo e da reportagem que o incrimina. Vitória sai de casa para ir mudar o carro de sítio e Diana encontra o número de Zé Maria. Liga para ele em vídeochamada e pede-lhe que desfaça tudo o que engendrou para tramar Rodrigo.

Zé Maria fica muito aflito ao ver Diana e finge não saber do que é que ela está a falar. Declara que não a pode ajudar e desliga.

Diana repara no nome do Cyber café e pesquisa até descobrir que fica em Praga.

O agente da PJ diz a Nelson que Rodrigo afirma não ser o “Português” e essa pessoa é Gonçalo. Nelson faz-se de parvo mas o PJ quer que ele descubra a ligação entre Gonçalo e Zé Maria ou voltará para a prisão.

Raimundo diz a Deolinda que está cheio de saudades dela e não consegue esquecer a noite que passaram juntos. Ela fica furiosa ao reparar nos restos de batom dele e Raimundo jura que não anda a enganá-la.

Martim repara que o galo da fotografia não é o verdadeiro. Esmeralda foca nervosa e Rui percebe que ela o enganou. Esmeralda admite que arranjou um novo galo pois já não o aguentava ver a chorar pelos cantos.

Carla ameaça Celso na rádio. Exige dinheiro pois tirou dinheiro da caixa de Jacinta e agora tem de repor. Quer mostrar a Laura que Celso é um mentiroso e seguem todos para um gabinete.

A sós, Carla acusa Celso de ter pago a ela e a Martim para eles ligarem para o programa. Até lhes deu um guião para lerem. Laura acha que foi uma ótima ideia e depois de Carla sair, furiosa, exige que Celso lhe explique tudo.

Rui entra na escola de circo, esbaforido, e diz a António que o seu galo pode estar vivo. Paciente, António sugere que Rui arranje uma mulher a quem dar o amor que sente no coração. Rui fica triste pois reconhece que António tem razão.

Carla chega atrasada à casa de chá e inventa uma desculpa. Jacinta fica desconfiada e observa-a. Carla rouba uma sandes e Jacinta repara nisso. Fora de si, despede-a sem dó nem piedade.

Diana vai a Praga e procura por Zé Maria no cyber café. Pergunta ao funcionário e este sabe quem é Zé Maria mas não sabe onde ele vive. Diana fica frustrada, sem saber o que fazer.

Gonçalo quer que Nelson vá a Praga matar Zé Maria. Nelson hesita e pergunta ao patrão o que se passa pois parece que está a perder o controlo das coisas. Gonçalo está furioso e Nelson afasta-se para fazer uma chamada.

nas redes

pesquisar